Skip to main content

Ciclismo Olímpico

Untitled

Piracicaba passa a ser referência do ciclismo nacional e internacional. A equipe Green Piracicaba/Arcelor Mittal/Shimano/Frias Neto/Colner/Selam/Maxxis foi apresentada ontem à tarde, nas dependências da Frias Neto Consultoria de Imóveis. São 12 atletas com potencial olímpico, sendo que três deles são piracicabanos.

A Green representará o município nas provas do Brasil e no exterior. E hoje começa o primeiro grande desafio, o 29º Torneio de Verão, na Baixada Santista. Rodrigo Mello, vencedor em 2014, representará a Green nessa competição que terá quatro etapas.

A Green tem a seguinte formação: técnico e ciclista argentino Edgardo Simón, Marcos Novello, Eriberto Medeiros, Rodrigo Mello, Erick Pinheiro, Wanderlei Gonzales da Silva, Alessandro F. Guimarães, Rodrigo Quirino, Jean Marcel, Glauber Alexandre, Raphael Miranda e Geovane Caldeiram.

O técnico da equipe é um dos nomes mais importantes da modalidade na América do Sul. Trata-se de um ciclista olímpico com experiência internacional e inúmeros títulos em uma carreira de 30 anos.

Na apresentação de ontem, Simón elogiou os apoios – oficial e empresarial. Enfatizou assuntos de cunho ecológico, cuja modalidade abraça, e que a equipe buscará os tão importantes títulos para a cidade, inclusive o dos Jogos Abertos. O técnico disse que a cidade oferece uma topografia favorável aos treinos. Também lembrou que a equipe tem atletas com potencial olímpico para defender a seleção nacional e, em 2016, durante a olimpíada.

A Green também desenvolverá ações sociais e ciclísticas com crianças na Casa do Amor Fraterno. Será uma forma de incentivar e descobrir talentos ciclísticos na cidade.

Marcos Novello, 37, Raphael Miranda e Geovane Caldeiram são piracicabanos. Novello é o mais experiente e os demais têm 17 anos cada um. Dono de inúmeros títulos, Novello foi 20 vezes campeão brasileiro de pista e defendeu a seleção nacional em inúmeras oportunidades. Por 21 anos pedalou defendendo grandes equipes, como as de Americana e Santos. Hoje, ele também é atleta da Força Aérea Brasileira (FAB). “Estou muito feliz por voltar a Piracicaba e agradeço o Frias Neto por abraçar esse projeto. Esperamos retribuir todo esse carinho com resultados na pista”, disse.

Frias Neto, proprietário da empresa do mesmo nome, foi o grande incentivador para a formação da equipe. “Nos sentimos muito honrados por ser uma das empresas patrocinadoras desse projeto”, disse Frias Neto, enfatizando que seu filho, Angelo Amaral Frias, também abraçou a idéia.

O secretário de Esportes, João Francisco Rodrigues de Godoy, o Johnny, também destacou a importância do empresariado no apoio ao esporte no município. Lembrou o vice-campeonato da cidade nos Jogos Abertos de 2014 e enalteceu a equipe Green. “Essa equipe tem atletas de renome, de currículo e com talentos”, disse.

Comentários

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: