Skip to main content

Varejo confiante

O ICV-P (Índice de Confiança do Varejo – Piracicaba), calculado pela Ejea (Esalq Jr. Economia e Administração) em parceria com a Acipi (Associação Comercial e Industrial de Piracicaba), registrou 84,48 pontos no último trimestre, o que representa aumento de 10,08% em relação aos meses de junho, julho e agosto. Os dados contam em relatório divulgado pela Ejea e compreendem os meses de julho, agosto e setembro.

A confiança dos varejistas pode ser atribuída ao Índice de Confiança Atual, que mede a percepção em relação ao trimestre corrente, excluindo as expectativas para os próximos trimestres (Índice de Confiança Futuro), que registrou uma variação de 21,75%. O indicador de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC) de setembro, da Confederação Nacional do Comércio (CNC), acompanhou a mesma tendência do ICV-P, subindo a 9,8%.

Para o presidente da Acipi, Angelo Frias Neto, a economia nacional tem dado sinais de recuperação em relação ao primeiro semestre do ano. O panorama pode ser atribuído às medidas anunciadas pelo Governo Federal ao longo de 2013. Ele ainda menciona a estabilização do crescimento do dólar, o aumento nas taxas de emprego e a queda na inadimplência.

“O momento da economia nacional e o resultado das medidas do Governo Federal contribuíram para que a pesquisa apontasse, em Setembro, um aumento na confiança do varejo piracicabano. A expectativa é que nos próximos meses haja uma nova ascendência em relação aos dados do ICV-P, levando em conta o final de ano, quando existem novas contratações no mercado de trabalho e uma alta injeção financeira proporcionada pelo 13º salário dos trabalhadores” disse.

Frias Neto também lembrou que as vendas no varejo brasileiro subiram 0,9% em agosto na comparação com julho, de acordo com a Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), divulgada nesta semana pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Foi o sexto resultado positivo consecutivo. Em relação ao mesmo mês do ano anterior, o volume de vendas cresceu 6,2% sobre agosto de 2012, acumulando 3,8% no ano e 5,1% nos últimos 12 meses.

Fonte: Gazeta de Piracicaba

Comentários

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: